Quer viajar e trabalhar ao mesmo tempo? Site oferece essa oportunidade para 100 candidatos!

Quem nunca sonhou em ser um “nômade digital”? Ter uma vida onde seja possível trabalhar e viajar ao mesmo tempo? Bom, eu já! Vááárias vezes (por dia. Rs.) O legal é que estão surgindo algumas plataformas para viabilizar esse sonho!

Uma delas é a Remote Year, um site focado em ajudar candidatos a encontrarem empregos flexíveis que permitam rodar o mundo com outros profissionais. A ideia surgiu quando um ex-funcionário do Groupon, Greg Caplan, decidiu viajar por aí enquanto trabalhava à distância. Greg adorou a experiência, mas se sentiu um pouco solitário, resolvendo então criar uma plataforma que cuidasse de toda a logística da viagem, facilitando também o encontro entre interessados e empresas.

Para participar, os candidatos podem ter um trabalho à distância, ou aceitar alguma das posições oferecidas pelas 15 empresas parceiras. Em junho de 2015, um grupo inaugural de 100 participantes visitarão 18 localidades por um ano, conhecendo não só lugares interessantes, mas pessoas diferentes com quem colaborarão no dia a dia. Se você tem vontade de se jogar pelo mundo e ganhar um dinheiro ao mesmo tempo, corra! Ainda dá tempo de se inscrever no site.

O custo do serviço ainda não é conhecido, embora os participantes precisarão desembolsar cerca de 35 mil dólares para cobrir o custo da viagem, além de dominar o inglês. Se você participar do processo e/ou for aceito, não esqueça de contar para gente!!!

OUTRAS INFORMAÇÕES:

  • Site para se inscrever para uma vida nômade: http://www.remoteyear.com
  • Contato: remoteyear@gmail.com
  • Mais informações aqui (matéria em inglês).

 

comments2

Anúncios

5 comentários em “Quer viajar e trabalhar ao mesmo tempo? Site oferece essa oportunidade para 100 candidatos!

  1. Mas é você quem banca as viagens? Não entendi essa parte. 🙂

    • Pelo o que entendi, parte do seu salário irá para as viagens, mas eles ainda não abriram no detalhe como tudo funcionará!

  2. Pingback: Lembra daquele seu sonho de trabalhar e viajar o mundo ao mesmo tempo? Conheça a Remote Year! | Simplista na Pista

  3. A proposta é apenas de uma agência de turismo, que vai te levar pra 12 países, só que você paga U$50,00 apenas para saber que o serviço custa U$ 3000,00 ao mês. Não agenciam o emprego e isso não fica claro, sendo o principal, até porque quem já tem um emprego que permite isso, não não necessariamente precisa dos serviços deles… pode ir pra onde quiser!

    • Oi, Leonardo! Então, é o primeiro lançamento desse projeto, vamos ver o que vai acontecer na prática! Porém, eles sempre deixaram claro que haveria custos mensais (que, teoricamente, você pagará com o salário ganho, como se fosse e trabalhasse por sua conta).

      Coincidentemente, recebi o retorno de um dos selecionados para o trabalho remoto! O nome dele é Rafael Bertolli e ele me passou o seguinte texto:

      “Lançado em outubro de 2014 a Startup Remote Year, do exfuncionário
      do GroupOn Greg Caplan fez sucesso imediato em todo o mundo: o motivo era a viabilidade de trabalhar remotamente viajando durante um ano em 12 cidades diferentes. Em seu pré lançamento foram mais de 50 mil inscrições, e em seu lançamento foram mais de 20 mil interessados em
      participar desta aventura fora do comum, mas as vagas eram limitadas para 100 participantes. Além disso, mais de 300 empresas entraram em contato, interessadas em oferecer oportunidades de empregos para este grupo.

      Durante os meses seguintes a equipe do Remote Year evoluiu as ideias e criou um processo de seleção para escolher os interessados que tinham o perfil necessário. Entre os 20 mil inscritos, o empreendedor paulista Rafael Bertolli, 27 anos, é um dos 100 selecionados de
      todo o mundo para participar deste experimento.

      Bertolli é consultor de inovação e ecommerce, já atende remotamente diversos clientes em todo o Brasil e viu ali uma oportunidade de crescimento pessoal, profissional e principalmente
      cultural.

      “Literalmente qualquer trabalho que pode ser feito em uma mesa pode ser feito remotamente, e não há nenhuma razão por que as pessoas não deveriam, é um estilo de vida, É realmente uma mudança cataclísmica de cultura, e o RemoteYear está tentando provar que você pode fazer um estilo de vida.”, diz Bertolli.

      O grupo sairá em 01 de junho de 2015 e passará por 11 países diferentes (República Tcheca, Eslovénia, Croácia, Turquia, Malásia, Tailândia, Vietnã, Japão, Argentina, Chile e Peru) durante 12 meses. Isso dará aos participantes a oportunidade de se conectarem
      profundamente com a cultura local e ecossistema de negócios, além de permitir que desfrutem de todos os benefícios de viajar sem riscos.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: