Tudo o que você precisa saber para dirigir por Portugal

A decisão entre dirigir ou usar outro meio de transporte durante uma viagem pode ser bem difícil. Em nossa passagem por Portugal, levamos em consideração as cidades que gostaríamos de visitar, o tempo disponível e as distâncias a serem percorridas. No geral, dirigir pelo país foi bem agrádavel, permitindo uma maior flexibilidade de horários e ampliando a possibilidade de locais que podíamos visitar. As estradas, infinitamente melhores do que as brasileiras, possibilitaram viagens tranquilas, mesmo quando as distâncias eram maiores. (Post escrito pelo Guilherme, meu marido e super companheiro de viagens, que foi quem dirigiu pelo país).

LOCADORAS DE CARRO

Optamos pelo aluguel de carro e utilizamos duas locadoras durante a viagem. Para o primeiro trecho (Lisboa à Sintra, Sintra a Óbidos, Óbidos à Coimbra, Coimbra ao Porto e Porto à Lisboa) utilizamos a Goldcar e para o segundo, a Guerin (saindo de Lisboa, passando por Cascais até Évora e retornando). Em ambos os casos, a cotação e reserva foram feitas online com a Rentalcars. O site compara os preços das locadoras, filtrando a pesquisa de acordo com os critérios escolhidos, como modelo, valor, quilometragem etc. As duas locadoras estão localizadas no terminal 2 do aeroporto e foram bem prestativas, mas a preferida foi a Guerin, pelo atendimento atencioso, carro melhor conservado e resolução de pendências mais rápidas.

Em relação ao abastecimento do carro alugado, este pode ser feito de duas maneiras, o “cheio a cheio” e o pré-pago. O cheio a cheio é a maneira que fazemos no Brasil, você recebe o carro com o tanque cheio e precisa devolvê-lo da mesma maneira. No sistema pré-pago, o carro é recebido com o tanque cheio, mas a locadora já debita este valor do cartão crédito. Assim, quando você devolve o automóvel é melhor que ele esteja com o tanque vazio. Caso isso não aconteça, a empresa verifica a litragem do combustível restante, ressarcindo o valor correspondente. Normalmente o sistema pré-pago é usado em diárias mais baratas e o cheio a cheio naquelas mais caras. Assim, apesar de o valor da gasolina cobrado pelas locadoras ser bem superior ao €1,62/litro das bombas nos postos de combustível, a opção pré-paga ainda pode ser mais em conta, caso você opte por uma diária barata e um tempo total de locação maior.

Vale lembrar que não há frentistas nos postos, o que pode causar confusão na hora do abastecimento. Alguns funcionam no sistema pré-pago, ou seja, antes de abastecer o carro é necessário dirigir-se ao caixa, informando sua bomba e a quantidade de gasolina necessária. Após efetuar o pagamento, o funcionário liberará o valor pago na bomba designada para que você possa encher o tanque. Há também um segundo sistema, onde digita-se o valor desejado para abastecimento na própria bomba, realizando em seguida o pagamento no caixa.

GPS

Optamos por não alugar um GPS, utilizando o navegador offline Genius Maps desenvolvido para iPhones e iPads (o aplicativo está disponível na Applestore, porém é necessário fazer o download da região pela qual você viajará). O Genius Map oferece um período de teste de 5 dias, onde você poderá usufruir da navegação guiada por voz sem precisar pagar pelo upgrade.

ESTRADAS

As estradas portuguesas são excelentes, podendo ser autoestradas pedagiadas ou rodovias secundárias. As autoestradas possuem de duas há cinco faixas em cada sentido, com uma velocidade máxima (nem sempre respeitada) de 120km/hora. Há poucos caminhões e o movimento é fraco, mas os portugueses gostam de dirigir colados uns nos outros. Todas as estradas, inclusive as secundárias, são muito bem sinalizadas, o que facilita encontrar o destino final mesmo sem GPS.

PEDÁGIOS E VIA FÁCIL 

Foram os portugueses que desenvolveram o sistema Via Fácil, que no país é conhecido como Via Verde e é muito popular entre os motoristas. Todas as locadoras oferecem a utilização do sistema por um preço de €1,50/dia, além do custo dos pedágios por onde você passar. O total pode ser pago com o cartão de crédito na devolução do carro.

Pontos positivos do Via Verde: não parar nos pedágios, não precisar trocar dinheiro (alguns pedágios não possuem funcionários na cancela, somente máquinas para pagamento do valor) e poder utilizar o sistema em estacionamentos conveniados.

Pontos negativos: além do valor diário a ser pago pelo aluguel do aparelho, não são todos os pedágios que disponibilizam os valores que serão cobrados. Você só saberá o valor final ao devolver o carro, pagando o total com cartão de crédito, incidindo assim as usuais taxas de IOF e flutuação cambial.

ESTACIONAMENTO 

Estacionar em Portugal pode ser um pouco desafiador. Por serem cidades mais antigas, dificilmente haverá uma grande quantidade de vagas disponíveis nas ruas. Caso encontre alguma, você precisará pagar pela mesma usando o Park Pago, uma máquina onde você insere moedas de acordo com o tempo que ficará estacionado. A máquina imprime um ticket com a data e o horário do pagamento e o período de validade. O tempo máximo permitido para ficar na mesma vaga é de duas horas por €2,00.

Nas cidades maiores, há uma maior oferta de estacionamentos subterrâneos. Nós usamos um destes em Porto. O estacionamento era conveniado com o nosso hostel, então conseguimos um pequeno desconto (pagamos 9 euros, quando a diária normal chega a €12,00.)

*crédito da foto do post: pensar-carrazeda.blogspot.com

comments2

Anúncios

10 comentários em “Tudo o que você precisa saber para dirigir por Portugal

  1. Gos taria de saber:
    De Portugal para Espanha é valido CNH do Brasil? ou precisa mais algum
    documento!

  2. boa noite , gostaria de saber se o uso de farol baixo e obrigatório durante o dia ?
    obrigado

  3. Poderia passar com carro na fronteira da espanha para visitar Santiago de Compostela

  4. Pode alguém tendo 17 anos com carta de condução americana dirigir em Portugal?

  5. Pingback: Ilha de Berlenga: linda praia e reserva ambiental a 2 horas de Lisboa | Giros Por Aí

  6. Boa noite! Sabe dizer se a CNH brasileira é suficiente pra dirigir em Portugal? Ou é OBRIGATÓRIO portar a carteira internacional? Obrigado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: